Stephen Daldry (Billy Elliot, As Horas e O Leitor) se uniu às produtoras britânicas Working Title e PeaPie Films e à brasileira O2 Filmes (do cineasta Fernando Meirelles) para gravar Trash, longa adaptado do romance de Andy Mulligan. O roteiro é assinado por Richard Curtis (Cavalo de Guerra, Quatro Casamentos e Um Funeral, Um Lugar Chamado Notting Hill).

Trash será filmado no Brasil. É um thriller contemporâneo que acompanha três meninos, Raphael, Gardo e Rato, que vivem em um lixão. Uma descoberta inesperada os leva para uma aventura vertiginosa, na qual vão precisar de todas as suas habilidades para lutar contra inimigos poderosos.

Martin Sheen viverá o Pastor Juilliard. Já Rooney Mara fará o papel de uma jovem trabalhadora de uma ONG, Olivia. Wagner Moura e Selton Mello estão no elenco como José Angelo e Frederico, respectivamente. Já os três jovens protagonistas serão os atores estreantes Rickson Tevez, Eduardo Luis e Gabriel Weinstein. 

O filme começa a ser filmado no Rio de Janeiro na primeira semana de agosto. Trash será distribuído mundialmente pela Universal Pictures. No Brasil, o romance de Andy Mulligan é publicado pela Cosac Naify.


Homem de Aço derrota zumbis nas bilheterias nacionais

postado por Andreia Santana @ 2:55 PM
17/07/2013

Clark Kent numa vibe Superman em cena de O Homem de Aço

Após algumas semanas de hegemonia dos zumbis de Guerra Mundial Z, O Homem de Aço é a bola da vez e levou a melhor nas bilheterias nacionais, no fim de semana de 12 a 14 de julho, segundo o site Filme B.

Estrelado por Henry Cavill vivendo o Superman e seu alter-ego Clark Kent, o filme arrecadou R$ 9,637 milhões. Mas o herói da DC Comics ganhou por pouco do vilão Gru, protagonista da animação Meu Malvado Favorito 2, que arrecadou R$ 9,623 milhões no mesmo período. Em terceiro lugar nas bilheterias nacionais está a comédia Minha Mãe é uma Peça, que somou R$ 3,8 milhões e 300 mil espectadores no último final de semana. Os zumbis de Brad Pitt ocupam agora a quinta posição do ranking.

Quando a conta leva em consideração as sessões de pré-estreia, O Homem de Aço acumula arrecadação de R$ 12,5 milhões e 822 mil espectadores. Já Minha Mãe é uma Peça, em cartaz desde 21 de junho, já somou R$ 30 milhões de arrecadação e um público de 2,7 milhões de pessoas.

Confira o ranking das dez maiores bilherias no Brasil de 12 a 14 de julho:

1. O Homem de Aço – R$ 9.637.268

2. Meu Malvado Favorito 2 – R$ 9.623.348

3. Minha Mãe é Uma Peça – R$ 3.850.278

4. O Cavaleiro Solitário – R$ 2.637.783

5. Guerra Mundial Z – R$ 2.456.426

6. Truque de Mestre – R$ 2.295.407

7. Universidade Monstros – R$ 1.185.091

8. Turbo – R$ 142.237

9. Todo Mundo em Pânico 5 – R$ 129.218

10. Os Amantes Passageiros – R$ 107.425


Zumbis de Brad Pitt devoram audiência no Brasil

postado por Andreia Santana @ 2:19 PM
09/07/2013

Guerra Mundial Z segue sua trajetória de salas lotadas, como reza a cartilha dos blockbusters. No Brasil, em 10 dias em exibição, o filme de Marc Foster e protagonizado por Brad Pitt levou 1,5 milhão de pessoas às salas de cinema, segundo dados da Paramount. Assim como já havia ocorrido nos Estados Unidos, essa é a melhor bilheteria de estreia de um filme estrelado por Pitt em terras verde e amarelas.

Nos dez primeiros dias de exibição nos EUA, Guerra Mundial Z, baseado em livro homônimo de Max Brooks que trata de um apocalipse zumbi provocado por um vírus poderoso, faturou R$ 263 milhões. 

A história gira em torno de Gerry Lane (Brad Pitt), funcionário da ONU que corre contra o tempo para deter a pandemia que está zumbificando a humanidade e pode resultar na extinção da espécie. Ao mesmo tempo, Lane precisa proteger a própria família da praga.

Veja no Cineinsite o trailer e as salas que exibem Guerra Mundial Z em Salvador.


Guerra Mundial Z lidera bilheteria na estreia no Brasil

postado por Andreia Santana @ 2:25 PM
02/07/2013

Brad Pitt caça zumbis em Guerra Mundial Z

Brad Pitt não veio por conta dos protestos nas ruas de várias capitais do país, mas os brasileiros, mostrando que não guardam mágoa do astro, compareceram em massa aos cinemas, no final de semana de estreia de Guerra Mundial Z, a aventura zumbi do marido de Angelina Jolie. 

A produção já arrecadou US$ 263 milhões de dólares em todo o mundo, desde a estreia. No Brasil, o filme liderou o ranking de arrecadação, faturando R$ 7,6 milhões no primeiro final de semana de exibição (de sexta 28 a domingo 30 de junho).

Dirigido por Marc Forster,  Guerra Mundial Z , chegou a US$ 70 milhões de dólares somente no último fim de semana, quando o filme estreou no hemisfério sul, totalizando mais de US$ 130 milhões em todo o mundo. Em sua segunda semana de exibição nos EUA, o longa faturou US$ 30 milhões, chegando a mais de U$ 100 milhões somente em solo americano.

Produção da Paramount, o filme já bateu outro recorde: foi a melhor bilheteria alcançada por Brad Pitt em uma estreia.

Baseado em livro homônimo de Max Brooks, Guerra Mundial Z conta a história do funcionário das Nações Unidas Gerry Lane (Brad Pitt), que atravessa o mundo em uma corrida contra o tempo para deter uma pandemia que está transformando a humanidade em zumbi, derrotando exércitos e governos e ameaçando dizimar a vida no planeta.

As dez melhores bilheterias do Brasil no fim de semana de 28 a 3o de junho:

Guerra Mundial Z – R$ 7.613.929,00
Universidade Monstros – R$ 6.737.374,00
Minha Mãe é uma Peça – R$ 4.484.784,00
Todo Mundo em Pânico 5 – R$ 1.871.798,00
Se Beber, Não Case – Parte III – R$ 807.548,00
Os Amantes Passageiros – R$ 440.813,00
Depois da Terra – R$ 385.711,00
Além da Escuridão – Star Trek – R$ 285.591,00
Velozes e Furiosos 6 – R$ 270.824,00
Faroeste Caboclo – R$ 174.444,00

*Fontes para o post: material de divulgação da Paramount e Filme B


Homem de Ferro 3 lidera bilheterias no Brasil

postado por Andreia Santana @ 1:18 PM
30/04/2013

Tony Stark / Homem de Ferro / Robert Downey Jr reinou soberano nas bilheterias nacionais neste final de semana de estreia do terceiro episódio do herói de metal da Marvel. O filme arrecadou mais de R$ 25 milhões, superando o recorde anterior, que pertencia aos Os Vingadores. A comédia brasileira Vai que dá certo rendeu menos de R$ 1,5 milhão, mas ainda assim, obteve o segundo lugar.

Veja o ranking das dez maiores bilheterias nacionais no período de 26 a 28 de abril:

1 – Homem de Ferro 3 – R$ 25.462.938,00

2 – Vai que Dá Certo – R$ 1.303.691,00

3 – Oblivion – R$ 1.007.446,00

4 – Os Croods – R$ 82.416,00

5 – A Morte do Demônio – R$ 618.467,00

6 – Um Bom Partido – R$ 392.719,00

7 – Mama – R$ 342.025,00

8 – O Acordo – R$ 262.435,00

9 – Invasão à Casa Branca – R$ 185.801,00

10 – Um Porto Seguro – R$ 165.337,00

*Fonte: Filme B